Conversas

É sempre bom aprendermos algo sobre nós próprios e estamos sempre a aprender. Descobri que uma das coisas que me faz falta é conversar, mostrar-me, contar as minhas histórias, ouvir histórias, trocar ideias, pensamentos e emoções. Cheguei à conclusão que dentro de mim, lá bem enterrado está um desejo muito grande de me mostrar e dar tudo o que tenho, de me entregar. Tudo isto só por si é difícil uma vez que tenho dificuldade em confiar nas pessoas. Traumas, feridas antigas e cenas.
Creio que estou a conseguir resolver tudo isto. Com pequenos passos, tudo se resolve.

Este post era para ser muito maior, com direito a diálogos e tudo, mas acabou por ficar assim porque tudo o resto é assunto para outras alturas. Estou devagarinho a conquistar os meus “demónios” e assim me sinto bem. Umas vezes alegre outras triste, mas sempre bem.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *